Nesta primeira pesquisa para o 2º Turno da eleição para presidente do Brasil, e segunda para governador, o eleitor amazonense deu a vitória a Jair Bolsonaro (PSL), com quase dez pontos percentuais de vantagem sobre Fernando Haddad (PT): 49,1% a 39,3%.

Ainda existem 11,6% de votantes que se mostram indecisos ou com propensão a votarem em branco ou nulo.

Nos votos válidos, Bolsonaro obtém 56%, contra 44% de Haddad, uma diferença de 12%, que pode chegar a 18% se aplicada a margem de erro de três pontos, para mais ou para menos.

O melhor desempenho de Bolsonaro se deu pela sua vantagem expressiva nos números de Manaus: 63,5% contra 25,0%.

Já no interior do estado, quem ficou à frente foi Haddad (56,0% a 32,2%), muito por causa dos programas sociais dos governos de Lula e Dilma, como o Bolsa Família.

Nos municípios do interior onde a #PESQUISA365 fez entrevistas, Bolsonaro conseguiu vencer em Itacoatiara e Eirunepé e empatar em Manacapuru, perdendo nas 11 cidades restantes.


Variáveis de controle – Presidente

Bolsonaro possui melhor performance entre os eleitores amazonenses:

  • Do sexo masculino: 53,9% a 36,3%;
  • De 16 a 24 anos: 53,2% a 34,7%;
  • De 25 a 34 anos: 51,1% a 40,2%;
  • De 35 a 44 anos: 51,1% a 36,5%;
  • De ensino médio: 53,6% a 34,3%;
  • De ensino superior: 61,8% a 28,5%; e
  • Economicamente ATIVOS: 52,8% a 37,1%.

Haddad possui melhor desempenho entre os eleitores amazonenses:

  • De ensino fundamental: 48,8% a 39,3%.

Bolsonaro e Haddad empataram tecnicamente entre os eleitores amazonenses:

  • Do sexo feminino: 44,5% Bolsonaro / 42,1% Haddad;
  • Com mais de 45 anos: 43,6% Bolsonaro / 43,4% Haddad; e
  • Economicamente INATIVOS: 43,2% Bolsonaro / 42,7% Haddad.

 

Ainda sobre a 2ª pesquisa para Governador (2º Turno)

Na pergunta estimulada, Wilson Lima (PSC) obteve 56,2% e Amazonino Mendes (PDT), 33,6%, uma diferença de 22,6 pontos percentuais.

Os eleitores indecisos e que disseram votar branco ou nulo foram 10,2%.

Conforme divulgamos na quarta-feira (17), em votos válidos, Wilson ficou à frente de Amazonino por 26% de diferença: 63% contra 37%.

O jornalista venceu na capital por 64,4% a 24,7%, o que pode representar mais de 400 mil votos de vantagem; e no interior, por 46,6% das intenções, contra 44,0% de Amazonino.

A diferença no interior, de 2,6%, a favor de Wilson está dentro da margem de erro, o que, tecnicamente, possibilita que o govenador Amazonino esteja à frente de Wilson.

Nas cidades de Parintins, Itacoatiara e Manacapuru, Wilson ganhou com boa margem de diferença, e perdeu nos demais 11 municípios interioranos.

Entretanto, é válido se destacar que em algumas cidades onde o apresentador havia obtido menos de 5% no 1º Turno, agora ele aparece com números entre 25% e 48%.

Ou seja, Wilson Lima herdou mais de 90% dos votos de David Almeida (PSB) e de Omar Aziz (PSD) em municípios onde, no 1º Turno, ele não havia obtido, praticamente, nenhuma votação.

 

Variáveis de controle – Governador

Wilson Lima possui melhor performance entre os eleitores:

  • Do sexo masculino: 56,8% a 33,4%;
  • Do sexo feminino: 55,7% a 33,7%;
  • De 16 a 24 anos: 64,9% a 27,9%;
  • De 25 a 34 anos: 57,9% a 32,3%;
  • De 35 a 44 anos: 63,1% a 25,3%;
  • De ensino fundamental: 49,3% a 39,8%;
  • De ensino médio: 61,7% a 29,4%;
  • De ensino superior: 58,8% a 29,1%;
  • Economicamente ATIVOS: 56,3% a 33,7%; e
  • Economicamente INATIVOS: 56,1% a 33,3%.

Wilson e Amazonino empataram tecnicamente entre os eleitores:

  • Com mais de 45 anos: 44,8% Wilson / 43,6% Amazonino.


Cruzamento de intenções de voto

Dos eleitores de Amazonino Mendes, 16,5% votam em Haddad e 14,2% em Bolsonaro, enquanto que, dos que votam em Wilson Lima, 31,9% preferem Bolsonaro e 21,0% votam em Haddad.

 

Dados da pesquisa

Esta segunda pesquisa eleitoral foi registrada no TSE sob o número AM-06089/2018.

A margem de erro foi de 3%, para mais ou para menos, com grau de confiabilidade de 95%, o que significa dizer que se fossem feitas 100 entrevistas com a metodologia utilizada, 95 estariam dentro da margem de erro prevista.

O período de campo foi de 13 a 16 de outubro, com uma amostra de 1.067 entrevistas, sendo 576 na capital e 491 em 14 cidades do interior.

Clique aqui e faça o download do relatório completo desta 2ª pesquisa registrada para o 2º turno/2018 – Presidente do Brasil e Governador do Amazonas.

Comentários